domingo, dezembro 03, 2006

...de EcoNatal

Através do site do Gaia, fiquei a saber que no dia 25 de Novembro foi o Dia Sem Compras, em que se pretendia passar 24 horas sem consumir.
Esta idéia, em conjunto com muitas conversas que se fazem nesta altura do ano, sobre a loucura das compras de Natal e como o espírito do Natal se foi materializando em objectos , muitas vezes inúteis, veio ao encontro do que eu tenho vindo a pensar. Para quê entrar neste comboio do consumismo? porque não voltar a praticar o que eu acho correcto? Valorizar a família, a solidariedade, a humanidade, o respeito pelos outros e pela Vida...
Bem, foi então que ao visitar o Bioterra, encontrei lá esta idéia
Vale a pena visitar e começar já a pensar numas prendinhas sim, ... mas feitas com amor e dedicação á pessoa que a vai receber...

3 comentários:

A.J.Faria disse...

virnxeOlá, Cris!
Excelente texto, onde se realça um grande problema da socieade em que hoje vivemos: o consumismo!
Há que dar sentido ao que fazemos, e não ir simplesmente atrás da onda, não fazer apenas porque os outros fazem.
Um grande beijinho e uma boa semana de trabalho.
É sempre bom passar por aqui!
Bjs

Mila disse...

Pois aqui esta menina já há vários anos que a carteira lhe ensinou coisas lindas sobre esta questão.Na minha opinião é a malvada da carteira que nos retira os valores de solidário, humano...Se não houver euros para o consumo (e não estou a dizer que de repente fiquem todos desempregados), isso vai implicar a que os nossos neurónios sejam mais activos e vão ver como se arranjam ideias de prendinhas fenomenais:personalizadas, duradouras,feitas com muito carinho.
Claro que com os euros a salterem da carteira, ora é muito mais comodo comprara tudo feito, poupa-se "tempo".Segundo diz o provérbio tempo é dinheiro mas neste caso o dinheiro não é tudo - mais vale um abraço.......

Plum disse...

Consumismo doentio!é quase uma obrigação oferecer algo a alguém...e o verdadeiro espírito é esquecido no meio de tantas contas que se fazem para ver se o dinheirito dá!!!uma excelente ideia a do Eco-Natal!abraços!*